Menu
Conteúdo gratuito para pacientes de câncer e doenças do sangue, e seus familiares!

Tudo o que você precisa saber sobre radioterapia

  

Radioterapia Capa
Esse tratamento oncológico é utilizado para tratar cânceres em estágios iniciais, é um procedimento indolor e causa menos efeitos colaterais nos pacientes

Esse tratamento oncológico é utilizado para tratar cânceres em estágios iniciais, é um procedimento indolor e causa menos efeitos colaterais nos pacientes

Por Natália Mancini

Com a evolução da tecnologia na Oncologia, a radioterapia tem apresentado grande evolução. Antes, o tratamento afetava grandes volumes de tecido ao redor do câncer que estava sendo tratado. Entretanto, atualmente, esse tratamento tem alta precisão e pode diminuir a intensidade dos efeitos colaterais.

O que é radioterapia?

radioterapia, o que é radioterapia, qual a diferença entre quimioterapia e radioterapia, para que serve a radioterapia, quem faz radioterapia pode beber cerveja, como funciona a radioterapia, quantas sessões de radioterapia são necessárias, efeitos colaterais da radioterapia, quanto tempo dura uma sessão de radioterapia, tratamento, radioterapia, radioterapia, radioterapia efeitos colaterais, radioterapia como funciona, teleterapia, para que serve radioterapia, radio terapia, radioterapia externa, radioterapia na mama esquerda, quanto custa uma sessão de radioterapia, teleterapia e braquiterapia, radioterapia convencional, radioterapia efeitos colaterais prostata, tratamento de radioterapia, aparelho de radioterapia, o que é radioterapia como ocorre esse procedimento, sala de radioterapia, radioterapia equipamentos utilizados, oq é radioterapia, radioterapia no cancer de mama, tipos de braquiterapia, quimioterapia ou radioterapia, braquiterapia aparelho, o que é teleterapia, radioquimioterapia, quanto tempo os eletrons levam para ir, regiões da cabeça, quais os efeitos colaterais da radioterapia, quem faz radioterapia pode trabalhar, mascara para radioterapia, radioterapia mama efeitos colaterais, tipos de braquiterapia, tratamento do cancer, quais os tratamentos para o cancer, radioterapia interna, tumor externoO Dr. Eduardo Weltman, coordenador da radioterapia do Hospital Israelita Albert Einstein, explica que esse é um tipo de tratamento no qual são utilizadas radiações ionizantes para alterar o tecido humano. 

“Ou seja, você aplica raios em cima do tecido e eles vão modificar tanto o tecido saudável quanto o tumoral”, fala o médico. 

Esse tratamento pode ser neoadjuvante, adjuvante, curativo e paliativo, variando de acordo com a situação do paciente. 

No neoadjuvante, o intuito é diminuir o volume do tumor, facilitando uma posterior cirurgia e fazendo com que ela seja menos agressiva. 

Já o adjuvante é realizado quando já foi feito um tratamento anterior, seja quimio ou cirurgia, e a radioterapia serve como uma forma de reforçar o resultado. Por outro lado, o curativo é quando a radio é considerada a principal forma de tratamento. Enquanto que o paliativo tem a função de melhorar a qualidade de vida do paciente por meio da diminuição da dor, sangramento e outros sintomas.

Além disso, a radioterapia tem duas opções para ser administrada: a teleterapia e a braquiterapia. A teleterapia é todo tipo de radiação que vem de fora para dentro. 

Didaticamente, a fonte da radioterapia está a mais de 20 centímetros do local onde você vai tratar. Por isso, ‘tel’ de ‘à distância’ e ‘terapia’ de ‘tratamento’”, diz o Dr. Weltman.

Diferentemente da braquiterapia, que é realizada por meio do contato de material radioativo com o organismo. “Então, é uma terapia intersticial ou de contato. Ou seja, você pode encostar o material radioativo em alguma parte do corpo. A partir disso, você tem o efeito terapêutico. Por exemplo, os tratamentos dos tumores de pele por fontes radioativas”, exemplifica o especialista. 

Qual a diferença entre quimioterapia e radioterapia?

radioterapia, o que é radioterapia, qual a diferença entre quimioterapia e radioterapia, para que serve a radioterapia, quem faz radioterapia pode beber cerveja, como funciona a radioterapia, quantas sessões de radioterapia são necessárias, efeitos colaterais da radioterapia, quanto tempo dura uma sessão de radioterapia, tratamento, radioterapia, radioterapia, radioterapia efeitos colaterais, radioterapia como funciona, teleterapia, para que serve radioterapia, radio terapia, radioterapia externa, radioterapia na mama esquerda, quanto custa uma sessão de radioterapia, teleterapia e braquiterapia, radioterapia convencional, radioterapia efeitos colaterais prostata, tratamento de radioterapia, aparelho de radioterapia, o que é radioterapia como ocorre esse procedimento, sala de radioterapia, radioterapia equipamentos utilizados, oq é radioterapia, radioterapia no cancer de mama, tipos de braquiterapia, quimioterapia ou radioterapia, braquiterapia aparelho, o que é teleterapia, radioquimioterapia, quanto tempo os eletrons levam para ir, regiões da cabeça, quais os efeitos colaterais da radioterapia, quem faz radioterapia pode trabalhar, mascara para radioterapia, radioterapia mama efeitos colaterais, tipos de braquiterapia, tratamento do cancer, quais os tratamentos para o cancer, radioterapia interna, tumor externoPrimeiramente, a principal diferença é que a quimioterapia é um tratamento sistêmico e a radio, local. Isto é, enquanto a quimio alcança o corpo inteiro, a radio afeta somente a área na qual ela for aplicada.

Outra diferença é a forma de administração. Enquanto a quimio pode ser por via oral ou venosa, a radio é pela teleterapia ou braquiterapia. Por isso, a radioterapia é mais indicada nos casos em que o tumor encontra-se mais localizado e, comumente, em estágios iniciais.

Atualmente, esses dois tipos de tratamento podem ser utilizados em conjunto. “Hoje em dia falamos sobre o tratamento do câncer como uma abordagem multidisciplinar. Isso quer dizer que devem ser oferecidas para o paciente todas as possibilidades terapêuticas a partir de um protocolo. Com isso, você estabelece o que é melhor para aquela pessoa”, diz o Dr. Weltman.

Ele utiliza como exemplo um câncer nas cordas vocais. Se o tumor estiver em estágio inicial, as melhores opções são a cirurgia ou a radioterapia. Entretanto, se o mesmo câncer estiver avançado, é possível que seja necessário realizar quimio, radioterapia e também cirurgia. Assim, o tratamento seria iniciado com quimio e radio, ao mesmo tempo, e a cirurgia no final. 

“O importante é que o tratamento do tumor deve ser personalizado. Tem que ser individualizado para cada paciente. Dentro dessa individualização, você vai usar uma metodologia ou outra. É possível também uma combinação de todas elas”, ressalta.

Quais são os efeitos colaterais da radioterapia?

Os efeitos dependem do tipo de radioterapia que foi realizada, assim como a indicação de intensidade e quantidade de sessões. O local irradiado também tem grande influência em quais efeitos podem aparecer. 

É uma gama muito grande de possibilidades. Em geral, a radioterapia moderna traz muito pouco efeito colateral agudo e tardio, conhecidos como sequelas. Então, é difícil generalizar ao falar de radioterapia” considera o Dr.

Enquanto alguns pacientes não desenvolvem nenhum efeito colateral, é possível que outros sintam náusea, mal-estar, alteração na pele ou mucosite. Nesses casos, é possível diminuir os sintomas com alguns hábitos:

– Beber, no mínimo, três litros de líquido por dia

– Aplicar uma camada fina de creme hidratante indicado pelo médico após a aplicação da radiação

– Limpar completamente a pele antes da radioterapia

– Evitar banhos quentes e dar preferência para sabonetes neutros e sem perfume

– Secar a pele levemente sem coçar ou esfregar a área irradiada

– Evitar roupas justas

– Não utilizar, na área tratada, lâminas ou cera depilatórias durante o tratamento 

Além disso, o Dr. Weltman ressalta que em casos nos quais são irradiados grandes volumes abdominais podem ser indicados medicamentos para diminuir os efeitos colaterais, como a náusea. Entretanto, ele garante que enquanto a radiação está sendo aplicada, o paciente não sente nada.

A rigor, o aparelho liga, desliga e o paciente não sente exatamente nada. O que pode acontecer no decorrer do tratamento, como o paciente faz várias aplicações, os efeitos colaterais vão acumulando. Ou seja, da mesma maneira que fazer várias aplicações aumenta a chance de curar, também aumenta a chance dos efeitos colaterais”, conta ele.

Diferentemente da quimio, o cabelo do paciente não costuma cair e a fertilidade só é afetada caso a irradiação seja feita na região das gônadas (testículos e ovários).

Como funciona a radioterapia?

radioterapia, o que é radioterapia, qual a diferença entre quimioterapia e radioterapia, para que serve a radioterapia, quem faz radioterapia pode beber cerveja, como funciona a radioterapia, quantas sessões de radioterapia são necessárias, efeitos colaterais da radioterapia, quanto tempo dura uma sessão de radioterapia, tratamento, radioterapia, radioterapia, radioterapia efeitos colaterais, radioterapia como funciona, teleterapia, para que serve radioterapia, radio terapia, radioterapia externa, radioterapia na mama esquerda, quanto custa uma sessão de radioterapia, teleterapia e braquiterapia, radioterapia convencional, radioterapia efeitos colaterais prostata, tratamento de radioterapia, aparelho de radioterapia, o que é radioterapia como ocorre esse procedimento, sala de radioterapia, radioterapia equipamentos utilizados, oq é radioterapia, radioterapia no cancer de mama, tipos de braquiterapia, quimioterapia ou radioterapia, braquiterapia aparelho, o que é teleterapia, radioquimioterapia, quanto tempo os eletrons levam para ir, regiões da cabeça, quais os efeitos colaterais da radioterapia, quem faz radioterapia pode trabalhar, mascara para radioterapia, radioterapia mama efeitos colaterais, tipos de braquiterapia, tratamento do cancer, quais os tratamentos para o cancer, radioterapia interna, tumor externoA quantidade de sessões indicada varia de acordo com o tipo de tratamento. Em alguns casos, por exemplo o tumor cerebral, apenas uma aplicação é suficiente. Em outros casos, pode ser necessário que o paciente seja submetido a uma maior quantidade. Entretanto, o número de aplicações não está diretamente relacionado com a agressividade do tratamento. 

“Aí você pergunta, 39 sessões é mais do que uma? Não necessariamente. Isso porque você pode dar uma aplicação com uma dose muito alta de irradiação, que pode ser equivalente às 39 aplicações em doses baixas”, diz o Dr. Weltman

De acordo com o especialista, a quantidade de aplicações está relacionada com a proteção dos tecidos saudáveis. Ao fazer mais sessões, preserva-se mais eficientemente o tecido que está ao redor do tumor. 

Já a duração de cada sessão depende da marca do aparelho de radioterapia. Normalmente dura de 10 a 15 minutos. Entretanto, a irradiação em si dura somente cerca de 2 minutos! 

“90% do tempo em que o paciente está na sala, é usado para acertar o posicionamento. A aplicação em si vai durar entre um minuto e meio, no máximo dois”, o Dr. detalha.  

Para garantir a precisão do local, é utilizado um sistema de imobilização (uma máscara ou um equipamento para a região do quadril) para garantir que o paciente esteja sempre no mesmo posicionamento. Esse sistema é feito por meio de um plástico derretido e moldado no corpo da pessoa que a deixa imóvel. Então, ela deita no simulador, o plástico é derretido em água morna e moldado na parte do corpo desejada. 

Além desse método, o ideal é fazer pequenos pontos de referência para definir um plano e identificar o local. Com exceção da cabeça, a recomendação é fazer uma pequena “tatuagem” para evitar que a marcação saia no banho. “A partir disso, todo dia o paciente será localizado por esses risquinhos ou pontinhos. Isso torna o tratamento mais ágil e mais reprodutivo”, diz o médico.

Os cânceres hematológicos e a radioterapia. 

radioterapia, o que é radioterapia, qual a diferença entre quimioterapia e radioterapia, para que serve a radioterapia, quem faz radioterapia pode beber cerveja, como funciona a radioterapia, quantas sessões de radioterapia são necessárias, efeitos colaterais da radioterapia, quanto tempo dura uma sessão de radioterapia, tratamento, radioterapia, radioterapia, radioterapia efeitos colaterais, radioterapia como funciona, teleterapia, para que serve radioterapia, radio terapia, radioterapia externa, radioterapia na mama esquerda, quanto custa uma sessão de radioterapia, teleterapia e braquiterapia, radioterapia convencional, radioterapia efeitos colaterais prostata, tratamento de radioterapia, aparelho de radioterapia, o que é radioterapia como ocorre esse procedimento, sala de radioterapia, radioterapia equipamentos utilizados, oq é radioterapia, radioterapia no cancer de mama, tipos de braquiterapia, quimioterapia ou radioterapia, braquiterapia aparelho, o que é teleterapia, radioquimioterapia, quanto tempo os eletrons levam para ir, regiões da cabeça, quais os efeitos colaterais da radioterapia, quem faz radioterapia pode trabalhar, mascara para radioterapia, radioterapia mama efeitos colaterais, tipos de braquiterapia, tratamento do cancer, quais os tratamentos para o cancer, radioterapia interna, tumor externoNo caso das leucemias, há cada vez menos indicação para realizar a radioterapia. Os casos que podem precisar desse tratamento são as recidivas e quando o paciente necessita do transplante de medula óssea (TMO). Isso acontece tanto no preparo para o TMO quanto como um reforço de dose para tumores cerebrais.

Já para o mieloma múltiplo (MM), a radioterapia pode entrar como tratamento curativo em uma situação. “Pacientes com uma plasmocitoma isolada, ou seja, lesão única e que não evoluem para um MM podem ser curados somente com radioterapia no local específico da doença”, explica o Dr. Além disso, essa terapia pode ser usada como tratamento paliativo caso o paciente sinta muita dor óssea.

Enquanto que para os linfomas é muito comum que a radioterapia entre como tratamento coadjuvante. “Por exemplo, quando você tem um linfoma, fez a quimioterapia e teve uma resposta completa. O médico começa a pensar onde esse paciente pode falhar, se vier a falhar. A radioterapia feita nesse local vai diminuir muito a chance de recidiva. Com isso, aumentar a chance do paciente se curar e não precisar de novos tratamentos após uma falha”, o Dr. Weltman diz

Quem faz radioterapia pode beber cerveja?

radioterapia, o que é radioterapia, qual a diferença entre quimioterapia e radioterapia, para que serve a radioterapia, quem faz radioterapia pode beber cerveja, como funciona a radioterapia, quantas sessões de radioterapia são necessárias, efeitos colaterais da radioterapia, quanto tempo dura uma sessão de radioterapia, tratamento, radioterapia, radioterapia, radioterapia efeitos colaterais, radioterapia como funciona, teleterapia, para que serve radioterapia, radio terapia, radioterapia externa, radioterapia na mama esquerda, quanto custa uma sessão de radioterapia, teleterapia e braquiterapia, radioterapia convencional, radioterapia efeitos colaterais prostata, tratamento de radioterapia, aparelho de radioterapia, o que é radioterapia como ocorre esse procedimento, sala de radioterapia, radioterapia equipamentos utilizados, oq é radioterapia, radioterapia no cancer de mama, tipos de braquiterapia, quimioterapia ou radioterapia, braquiterapia aparelho, o que é teleterapia, radioquimioterapia, quanto tempo os eletrons levam para ir, regiões da cabeça, quais os efeitos colaterais da radioterapia, quem faz radioterapia pode trabalhar, mascara para radioterapia, radioterapia mama efeitos colaterais, tipos de braquiterapia, tratamento do cancer, quais os tratamentos para o cancer, radioterapia interna, tumor externoÉ recomendável evitar o consumo de bebidas alcoólicas durante o tratamento, pois elas podem causar irritação nos órgãos. Além de também poderem interferir no funcionamento da defesa do corpo, dificultando a recuperação.  

Aliás, a mesma orientação vale para a alimentação em um geral! 

Ter uma dieta balanceada ajuda o corpo a reconstruir os tecidos que a radioterapia possa ter prejudicado. Além de manter a disposição. A ingestão insuficiente de nutrientes pode fazer com que o corpo passe a utilizar os nutrientes armazenados como fonte de energia. Consequentemente, a defesa do corpo fica prejudicada, complicando o combate às infecções. 

Em caso de enjoo, a melhor opção é comer aquilo que se está com vontade. Comer menos em cada refeição e fazer pequenos lanches durante o dia pode ajudar nessa situação.

 

Novidades para os tratamentos dos cânceres hematológicos estão a caminho!

Panorama do câncer no futuro

4
Deixe um comentário

2 Comentários da postagem
2 Respostas da postagem
3 Pessoas acompanhando a postagem
 
Comentário mais com mais reações
Comentário mais relevante
3 Comentários de autores
  Receba um aviso sobre comentários nessa notícia  
recentes antigos
Me avise quando
Vera

E possível fazer Braquiterapia útero depois de já ter feito 4 sessões há 1 ano atrás? UNICAMP optou pela Quimio 6 sessões após ter ficado um foco no tratamento anterior feito em outro estado.De curada q diziam passei a ser um caso raríssimo q chegou a ser estudado,discutido por junta médica para iniciar. Dia 24 deste farei a última aplicação. Não posso mais fazer Braquiterapia?Porque não posso operar,tirar tdo.Tem um novo aparelho de Braquiterapia q seria como médico me disse o melhor, no meu caso.Este aparelho tem na Unicamp mas não está funcionando. Médico me mandaria pra outro hospital se… Read more »

Matheus

Muito boa a explicação, direta e didática. Parabéns Natália!