Menu
Conteúdo gratuito para pacientes de câncer e doenças do sangue, e seus familiares!

Trombocitemia Essencial: plaquetas demais

  

Trombo
Tudo o que você precisa saber sobre a trombocitemia essencial, a doença do sangue que pode causar trombose e hemorragias.

Tudo o que você precisa saber sobre a trombocitemia essencial, a doença do sangue que pode causar trombose e hemorragias.

trombocitemia essencial, trombocitose essencial, trombocitemia essencial é cancer, trombocitemia, trombocitopenia essencial, o que é trombocitopenia, trombocitopenia o que é, trombocitemia essencial tem cura, plaquetose, o que e trombocitopenia, trombocitose o que é, o que é trombocitose, causas de trombocitose, trombopenia, mutação jak2, trombocitose é grave, trombocitopenia significado, o que significa trombocitopenia, plaquetose causas, o que trombocitopenia, neoplasia medular, trombocito, o que é plaquetose, trombócitos, trombocitos, causas de trombocitopenia, origem das plaquetas, plaquetas ou trombócitos, o que são as plaquetas, o que é coagular, o que são plaquetas no sangue, oq sao plaquetas, sangue componentes, infecção no sangue pode virar leucemia, trombocitemia essencial é neoplasia maligna, trombocitemia essencial alimentação, plaquetas, plaquetas altas, contagem de plaquetas, qual a função das plaquetas, plaquetas ideal para ser humano, plaqueta, plaquetas no sangue, função das plaquetas, plaqueta sanguinea, numero de plaquetas, produção de plaquetas, formação das plaquetas, numero normal de plaquetas, plaquetas, trombose, trombose tem cura, sintomas da trombose, o que causa trombose, trombose tratamento, causas da trombose

Trombocitemia essencial é câncer?

Não, a trombocitemia essencial não é câncer.

Não é porque não há a proliferação de células malignas, mas o excesso de células normais. Estudos indicam que a doença permanece estável por 10 a 20 anos.

Pode virar leucemia? Sim, mas em apenas menos de 5% dos casos.

Fatos sobre a trombocitemia essencial

1. A trombocitemia essencial é uma doença do grupo das mieloproliferativas.  Nessa doença ocorre um descontrole da medula óssea dando origem a um aumento na concentração de plaquetas no sangue.

2. O paciente com trombocitemia essencial não apresenta sintomas da doença, na maioria dos casos. Assim, normalmente, ela é descoberta após a realização de um hemograma de rotina.

3. O diagnóstico só é confirmado pelo médico quando ele afasta outras causas para o aumento de plaqueta.

4. Há um ponto um pouco técnico, mas importante saber: mais da metade das pessoas com trombocitemia essencial apresentam uma anormalidade no gene JAK2, a chamada mutação V617F. Essa característica facilita demais o diagnóstico.

trombocitemia essencial, trombocitose essencial, trombocitemia essencial é cancer, trombocitemia, trombocitopenia essencial, o que é trombocitopenia, trombocitopenia o que é, trombocitemia essencial tem cura, plaquetose, o que e trombocitopenia, trombocitose o que é, o que é trombocitose, causas de trombocitose, trombopenia, mutação jak2, trombocitose é grave, trombocitopenia significado, o que significa trombocitopenia, plaquetose causas, o que trombocitopenia, neoplasia medular, trombocito, o que é plaquetose, trombócitos, trombocitos, causas de trombocitopenia, origem das plaquetas, plaquetas ou trombócitos, o que são as plaquetas, o que é coagular, o que são plaquetas no sangue, oq sao plaquetas, sangue componentes, infecção no sangue pode virar leucemia, trombocitemia essencial é neoplasia maligna, trombocitemia essencial alimentação, plaquetas, plaquetas altas, contagem de plaquetas, qual a função das plaquetas, plaquetas ideal para ser humano, plaqueta, plaquetas no sangue, função das plaquetas, plaqueta sanguinea, numero de plaquetas, produção de plaquetas, formação das plaquetas, numero normal de plaquetas, plaquetas, trombose, trombose tem cura, sintomas da trombose, o que causa trombose, trombose tratamento, causas da trombose

5. A princípio, quando identificada a doença, o tratamento, na maioria das vezes, é feito com medicamentos que reduzem o número de plaquetas no sangue. Dessa forma, eles diminuem o risco de trombose e de hemorragias.

6. Uma vez medicado, quem tem trombocitemia essencial leva uma vida normal. Bem como sem efeitos colaterais da medicação.

7.  Do mesmo modo que essa recomendação vale para todos, é ainda mais importante para quem tem trombocitemia essencial: é importante ter um dia a dia saudável, sem fumar, para evitar a hipertensão, a obesidade e a diabetes (elas podem causar tromboses).

8. A trombocitemia essencial é uma doença rara, não hereditária, sem uma causa conhecida.

9. Frequentemente, ela acomete adultos com mais de 40 anos, com um maior número de casos entre pessoas com mais de 60 anos.

10. Nas raríssimas ocasiões em que a trombocitemia essencial é identificada em pessoas com menos de 40 anos é tratada com ácido acetilsalicílico, a famosa Aspirina.

trombocitemia essencial, trombocitose essencial, trombocitemia essencial é cancer, trombocitemia, trombocitopenia essencial, o que é trombocitopenia, trombocitopenia o que é, trombocitemia essencial tem cura, plaquetose, o que e trombocitopenia, trombocitose o que é, o que é trombocitose, causas de trombocitose, trombopenia, mutação jak2, trombocitose é grave, trombocitopenia significado, o que significa trombocitopenia, plaquetose causas, o que trombocitopenia, neoplasia medular, trombocito, o que é plaquetose, trombócitos, trombocitos, causas de trombocitopenia, origem das plaquetas, plaquetas ou trombócitos, o que são as plaquetas, o que é coagular, o que são plaquetas no sangue, oq sao plaquetas, sangue componentes, infecção no sangue pode virar leucemia, trombocitemia essencial é neoplasia maligna, trombocitemia essencial alimentação, plaquetas, plaquetas altas, contagem de plaquetas, qual a função das plaquetas, plaquetas ideal para ser humano, plaqueta, plaquetas no sangue, função das plaquetas, plaqueta sanguinea, numero de plaquetas, produção de plaquetas, formação das plaquetas, numero normal de plaquetas, plaquetas, trombose, trombose tem cura, sintomas da trombose, o que causa trombose, trombose tratamento, causas da tromboseTudo começa na medula óssea: o passo a passo da trombocitemia essencial

A medula óssea é a responsável pela fabricação dos componentes do sangue. Sua responsabilidade é produzir glóbulos vermelhos, responsáveis pela oxigenação do organismo; glóbulos brancos, que defendem o corpo das infecções e as plaquetas, que evitam hemorragias. Ela é formada por células-tronco, que dão origem a outras células.

Quando o organismo está trabalhando normalmente, as células nascem, amadurecem e são lançadas na corrente sanguínea somente quando já estão maduras (adultas) e aptas para desempenhar as suas funções. Se há o mau funcionamento das células-tronco, elas sofrem uma mutação e passam a se proliferar sem controle.

Assim, as plaquetas, também chamadas de trombócitos, são as mais afetadas, e passam a ser produzidas em excesso. Como elas têm a função de coagular o sangue, há um grande risco de formarem coágulos (trombos), bloqueando os vasos sanguíneos. Dessa forma, surgem as tromboses.

 

O que são as famosas células-tronco?

Se surgirem reações negativas ao medicamento.

6
Deixe um comentário

3 Comentários da postagem
3 Respostas da postagem
3 Pessoas acompanhando a postagem
 
Comentário mais com mais reações
Comentário mais relevante
4 Comentários de autores
  Receba um aviso sobre comentários nessa notícia  
recentes antigos
Me avise quando
Lucia Carvalho da Silva

Olá, tenho trombocitose essencial, tenho direito ao medicamento (hidroxureia) gratuito pelo sus?

Josiane miranda da costa

Eu tenho trombocitemia essencial, e gostaria saber mais sobre minha alimentacao!

claudio santana

Boa tarde.
Gostaria de saber se a trombocitose,causa ou tem alguma ligação com a hipertensão arterial?
Qual é o especialista que cuida desta parte ?