Menu
Conteúdo gratuito para pacientes de câncer e doenças do sangue, e seus familiares!

A cura do câncer já existe?

  

Shutterstock 1243150747
Esta descoberta é o sonho não só de muitos pacientes, mas também dos cientistas e da população em geral

Esta descoberta é o sonho não só de muitos pacientes, mas também dos cientistas e da população em geral

Por Natália Mancini

Foram muitos os anúncios sobre ter encontrado a cura do câncer. Como aconteceu com a fosfoetanolamina e, mais recentemente, com uma pesquisa de cientistas israelenses. Muitas pessoas se prendem à ideia de encontrar essa tal cura, mas ela parece nunca realmente chegar. E então, vem a pergunta que não quer calar: afinal, a cura para o câncer existe?

“A cura do câncer já existe, já está ao alcance da população e não chegou com um achado milagroso”. É o que diz o Dr. André Abdo, médico hematologista no Hospital Alemão Oswaldo Cruz.

Ele compara os resultados atuais com os do passado e considera que a cura do câncer já é uma realidade. “Se você analisar 30 anos atrás, a quantidade de pessoas que morria por conta do câncer era muito maior. Na verdade, quase ninguém ficava vivo. Hoje isso mudou muito, os tratamentos estão super avançados, mas só estão avançados porque foram desenvolvidos de forma correta”, conta o médico.

A cura do câncer para a ciênciacura do cancer, cura para o cancer,o que é cura, qual a cura do cancer, avanços na cura do cancer, a cura do cancer foi descoberta, o que e remissao, remissão do cancer, remedio cura câncer, cura cancer

Para os cientistas, encontrar a cura do câncer é um grande desafio tanto pela complexidade da doença, quanto pelos obstáculos que aparecem durante o processo.

Primeiro, a palavra “câncer” não diz respeito a uma única doença e sim a um mundo enorme de doenças.  Elas podem receber o mesmo nome, mas cada uma se comporta de um jeito, acontece por conta de um tipo de mutação e cada organismo pode reagir de forma diferenciada.

Por exemplo, o linfoma: existe o de Hodgkin e o não-Hodgkin, que também se divide em outros vários subtipos dependendo de certos aspectos. E cada um recebe um tratamento específico.

“Tudo isso chama câncer, então tem que tomar um pouco de cuidado e não generalizar a cura. Aliás, existem tumores que você não busca a cura, e sim estabilizar e acompanhar. E, assim, a pessoa vai viver muito bem”, explica o Dr. Abdo.

Outro ponto desafiador é a “descoberta” de drogas que prometem resultados fenomenais, mas sem nenhuma comprovação científica. E é preciso tomar muito cuidado com isso!

“A grande maioria das coisas que são pesquisadas nunca vão chegar à população, porque elas simplesmente não trazem reais resultados. Não adianta alguém falar que descobriu a cura para alguma coisa sem que seja feito o teste por meio de um estudo sério, controlado, em um lugar correto e com pacientes”, enfatiza o hematologista.

Ele ainda alerta que a teoria na qual existiria ou será descoberta uma cura milagrosa, e que por motivos diversos não será anunciada à população, é totalmente falsa!

Cura do câncer. O que é?cura do cancer, cura para o cancer,o que é cura, qual a cura do cancer, avanços na cura do cancer, a cura do cancer foi descoberta, o que e remissao, remissão do cancer, remedio cura câncer, cura cancer

A resposta inicial é: sobre qual câncer você está perguntando?

“Existem cânceres que a proposta é totalmente curativa. Ou seja, o paciente nunca mais vai ter nada relacionado àquilo ou não deverá ter. Tirando o tumor, acabou o câncer, segue a vida”, conta o especialista.

É isso que acontece com o câncer de pele, por exemplo. Assim que ele é retirado, o tratamento acaba e a pessoa pode ser considerada curada.

Porém, o Dr. Abdo afirma que nos cânceres hematológicos, muitas vezes há uma confusão entre o conceito de cura e cronificação.

Ele usa como exemplo a pressão alta e a diabetes. “Elas não têm cura, você cronifica a doença, ou seja, trata, toma o remédio e não morre disso. Pode ter uma vida normal. Isso acontece muito nos cânceres hematológicos, principalmente nas doenças crônicas, como a leucemia mieloide crônica (LMC).”

Em outros tumores hematológicos, que até acabam tendo mais impacto na mídia, como as leucemias agudas e os linfomas, o objetivo do tratamento é alcançar a remissão. Ela não necessariamente é a cura, porque ainda existe um risco teórico da doença voltar. Mas, na remissão, os sintomas da doença não estão mais presentes.

“Usamos um número de a partir de cinco anos. Sabemos que a chance de a doença voltar depois disso é pequena. Ela existe, mas é pequena. Então até os cinco primeiros anos, ficamos vigilantes”, conta o Dr. Abdo.

Alta e cura são a mesma coisa?cura do cancer, cura para o cancer,o que é cura, qual a cura do cancer, avanços na cura do cancer, a cura do cancer foi descoberta, o que e remissao, remissão do cancer, remedio cura câncer, cura cancer

Receber alta do tratamento, infelizmente, não é sinônimo de cura da doença. “Ele está curado naquele momento. Ou seja, o paciente não tem doença evidente naquele momento. Mas é preciso continuar acompanhando”, salienta o médico.

Depois dos cinco primeiros anos, se não tiver aparecido mais nenhum sinal da doença, aí sim pode ser considerado que o paciente está totalmente de alta e curado.

 

Vida nova após o câncer

Panorama do câncer no futuro

O que são as famosas células tronco?

7
Deixe um comentário

3 Comentários da postagem
4 Respostas da postagem
7 Pessoas acompanhando a postagem
 
Comentário mais com mais reações
Comentário mais relevante
5 Comentários de autores
  Receba um aviso sobre comentários nessa notícia  
recentes antigos
Me avise quando
walmir sanches

Existe cura sim e fácil ,sem remedio algum, quimio e o resto que matam mesmo.Mudar alimentação é inprescincível, se cair nas mãos dos quimioterapicos já era mesmo.

breno

so um babaca pra falar que existe cura sim e facil.

Lilia

qual nome da vacina q esta curando,câncer?pois estamos aflito a filha da minha cozinha do tem 26 anos e esta cm câncer num estômago.vir uma reportagem q um homem brasileiro foi curador cm essa vacina,mi diga onde podemos encontrar essa vacina pois estamos desesperads

Aline

Minha tia teve cancer de mama ha 7 anos atras e fez o tratamento estava curada.. agora descobriu no pulmao e figado depois de tanto tempo… algum tratamneto em estudo clinico para cura???