skip to Main Content
11 3149-5190 | 0800-773-9973 FALE CONOSCO Como ajudar DOE AGORA

Paciente de LH, atenção!

Nova opção de imunoterápico é aprovado pela ANVISA

A imunoterapia Pembrolizumabe (Keytruda ®), acaba de ser aprovada pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA) para uso no Brasil. 

O medicamento é indicado para pacientes adultos com linfoma de Hodgkin (LH) clássico refratário ou recidivado, como segunda linha de tratamento. Já para os pacientes pediátricos, com idade igual ou superior a 3 anos, a terapia foi aprovada para o LH clássico refratário e também para aqueles recidivados após duas ou mais linhas terapêuticas.

Em estudos fase 3, o imunoterápico apresentou importantes resultados, reduzindo significativamente o risco de progressão da doença ou morte em 35% dos casos, quando comparado ao Brentuximabe Vedotin (BV). Além disso, a mediana de sobrevida livre de progressão foi de 13,2 meses para pacientes tratados com Pembrolizumabe e 8,3 meses para pacientes tratados com BV.

Nas crianças, as reações adversas que ocorreram em uma taxa ≥10% foram: febre (33%), vômitos (30%), leucopenia (30%), infecção do trato respiratório superior (29%), neutropenia (26%) ), dor de cabeça (25%) e anemia de grau 3 (17%).

Para saber mais sobre o linfoma de Hodgkin, clique aqui.

Fonte: Comunicação Abrale

Back To Top