skip to Main Content
11 3149-5190 | 0800-773-9973 FALE CONOSCO Como ajudar DOE AGORA

QUAIS EXAMES SÃO UTILIZADOS NO DIAGNÓSTICO DO MIELOMA MÚLTIPLO?

Para os pacientes assintomáticos, muitas vezes o diagnóstico de mieloma múltiplo é realizado através de exames de rotina. O mais usual é o hemograma, conhecido como exame de sangue, pois através de seus resultados será possível ver as alterações das células.

Leitura do exame de biópsia de medula óssea
Leitura do exame de biópsia de medula óssea

O médico também solicitará uma biópsia da medula óssea. Para a biópsia será retirado um fragmento do osso da bacia. O fragmento será analisado em laboratório, com a finalidade de quantificar os plasmócitos presentes.

Ao desconfiar que pode ser um mieloma múltiplo, outros procedimentos indicados são a eletroforese de proteína e a imunofixação de proteína. Ambos são realizados por meio de coletas de sangue e urina, com o objetivo de encontrar a proteína M no sangue do paciente.

Também é possível que sejam solicitados exames como a radiografia óssea, a tomografia computadorizada, o PET Scan e a ressonância magnética. Este exames tem como objetivo de verificar se existem alterações nos ossos, como também se também, se há presença de plasmocitomas.

O paciente com MM costuma demorar a receber tanto o diagnóstico como o tratamento adequado. Conhecendo os sintomas e as opções terapêuticas, você pode acelerar esse processo e aumentar suas chances de ter uma boa qualidade de vida enquanto estiver tratando a doença.

Back To Top