skip to Main Content
11 3149-5190 | 0800-773-9973 FALE CONOSCO Como ajudar DOE AGORA

Sua contribuição pode mudar a realidade do tratamento da dor no SUS

O prazo final para envio das contribuições é dia 15 de junho de 2021

A Comissão Nacional de Incorporação de Tecnologias em Saúde (Conitec) abriu, nesta última quinta-feira (27/05), sete importantes consultas públicas sobre incorporação de medicamentos para o tratamento da dor, sendo três deles focados em dor oncológica.

Não deixe de participar

Sua contribuição é muito importante para subsidiar os órgãos decisores do governo.

Consulta Pública n° 43/21 –  Lidocaína para dor neuropática localizada.

Consulta Pública n° 44/21 – Opioides fortes (fentanila, oxicodona e buprenorfina) para o tratamento de dor crônica.

Consulta Pública n° 48/21 – Opioides fracos (morfina, codeína e tramadol) para o tratamento da dor crônica.

Esta será uma grande oportunidade de destacarmos os ganhos de qualidade de vida que várias medicações proporcionam ao paciente e lembrar a todos que a dor não precisa fazer parte da rotina dos pacientes com câncer.

Como participar – Passo a Passo

Se você já teve a experiência como paciente ou cuidador com os tratamentos para dor oncológica, seja no SUS, de forma particular ou por meio de planos de saúde, PODE CONTRIBUIR nestas consultas apresentando suas percepções de melhorias e/ou efeitos adversos apresentados em cada tratamento realizado. 

Faça um roteiro de pré-contribuição

  • Por quanto tempo você usou (ou usa) esses medicamentos? é de forma permanente? se sim, desde quando usa?
  • O uso desses medicamentos ajudou você a viver melhor? Qual a diferença fez na sua vida?
  • Conte mais detalhes sobre sua qualidade de vida durante o uso desse medicamento (pense em efeitos colaterais, como ficou sua vida social e outros).
  • Se for possível, compare com outros medicamentos anteriores.
  • O uso desses medicamentos lhe causou efeitos indesejáveis (ou efeitos colaterais)?
  • Se sim, informe quais.

Se você é familiar/cuidador de um paciente também pode participar!

A sua experiência tem valor

Fiquei atento, pois a recomendação preliminar do Ministério da Saúde é pela NÃO inclusão destes medicamentos no SUS.

Se você entende que qualquer um dos medicamentos em análise deve ser incluído nas listas do SUS, deve responder que DISCORDA da recomendação preliminar.

Acesse os links para participar:

Consulta Pública n° 43/21 –  Lidocaína para dor neuropática localizada.

Consulta Pública n° 44/21Opioides fortes (fentanila, oxicodona e buprenorfina) para o tratamento de dor crônica.

Consulta Pública n° 48/21Opioides fracos (morfina, codeína e tramadol) para o tratamento da dor crônica.

Um formulário será aberto onde você irá inserir suas informações pessoais. Posteriormente, será questionada a forma como você quer prosseguir com a contribuição. Escolha a opção “Formulário Experiência ou Opinião”.

Responder às perguntas conforme o roteiro que sugerimos anteriormente e finalize sua contribuição clicando em ENVIAR.

A Abrale agradece ao Instituto Oncoguia por esta parceria em prol dos pacientes oncológicos. Neste sentido, a Abrale reafirma seu compromisso em somar forças para melhorar a jornada dos pacientes oncológicos, assim como, aprimorar as políticas de saúde do Brasil.

Consultas Públicas para o tratamento da dor no SUS

Como tratar a dor oncológica de forma adequada

Fonte: Instituto Oncoguia – Consultas Públicas para tratamentos da dor no SUS

Back To Top