skip to Main Content
11 3149-5190 | 0800-773-9973 FALE CONOSCO Como ajudar DOE AGORA

ATUALIZAÇÃO ABRALE! CASO DASATINIBE

(Última atualização: 29 de novembro de 2021)

O medicamento, aos poucos, volta a ter sua distribuição normalizada em algumas regiões do Brasil

Pacientes de leucemia mieloide crônica (LMC) do SUS, que realizam tratamento com o Dasatinibe, há meses vêm enfrentando dificuldade no acesso ao medicamento. Mas, nossa equipe traz boas notícias!

Após muitas cobranças ao Ministério da Saúde, e até mesmo fazermos uma representação (denúncia) ao Ministério Público Federal, em algumas regiões a distribuição do Dasatinibe está sendo normalizada. Veja aqui as últimas informações que nossos representantes regionais levantaram com as Secretarias de Saúde Estaduais:

  • São Paulo – Alguns hospitais da capital e também das cidades do interior, como Barretos, já estão distribuindo aos pacientes o medicamento. De acordo com a Secretaria de Estado de Saúde (SES), no Hospital Santa Marcelina a previsão de chegada do medicamento é dia 1 de dezembro. 
  • Goiânia – Distribuição normalizada. 
  • Curitiba – Distribuição normalizada. 
  • Fortaleza – No Hospital Geral de Fortaleza e no Instituto do Câncer no Ceará a distribuição está normalizada. Estamos no aguardo da resposta da Secretaria de Saúde Estadual sobre os demais locais.  
  • Rio de Janeiro – O Dasatinibe também já vem sendo distribuído no Hemorio. Para os demais centros de tratamento, estamos no aguardo de novas atualizações. 
  • Rio Grande do Norte – A distribuição também está normalizada no Centro de Oncologia e Hematologia de Mossoró.

Para as demais regiões, nossa equipe permanece cobrando respostas dos órgãos responsáveis. 

Pedimos que você, paciente ou familiar, conte para nós se está conseguindo ter acesso ao Dasatinibe ou se ainda está enfrentando dificuldades no acesso! 

Receber suas informações será muito importante para nós. Continuamos nessa luta! Entre em contato pelo e-mail [email protected] ou pelo telefone (11) 3149-5190.

 

Fonte: Comunicação Abrale

Back To Top