Abrale

Associação Brasileira de Linfoma e Leucemia.

Ferramentas

Pesquisar

Atendimento

0800 773-9973 | (11) 3149-5190

Menu

Como devem ser tratados os pacientes com PTI

Como devem ser tratados os pacientes com PTI

Atualizado em 25 de outubro de 2014.

 

Apesar de uma baixa contagem de plaquetas, o tratamento pode não ser necessário, como por exemplo, quando há sinais leves ou não há sinais de hemorragia e a contagem de plaquetas está acima de 10.000 a 20.000/mm³. No entanto, o paciente deve ser cuidadosamente monitorado. Isso também é chamado de "observação" ou "espera vigilante".

A observação e/ou tratamento é recomendado de acordo com um sistema de estadiamento. O tratamento é necessário quando ocorre hemorragia problemática (fase 2) ou hemorragia grave/de emergência (fase 3). O objetivo é chegar ao estágio 1. As medidas terapêuticas na PTI aguda devem ser mantidas até que a hemorragia tenha cessado e a contagem de plaquetas atinja níveis acima de 20.000/mm³.

Deve-se tratar a hemorragia, e não o número de plaquetas! 

 

 

Comentários

Esse espaço é para você expressar sua opinião sobre o conteúdo dessa página. Qualquer dúvida que tenha em relação ao tema abordado, pedimos por gentileza que envie para nosso fale conosco ou pelo e-mail abrale@abrale.org.br

Sou cadastrado

Faça o login para enviar seu comentário

Esqueceu sua senha?

Não sou cadastrado

Cadastra-se agora e envie seu comentário

Cadastre-se

Nenhum comentário

Ir para o topo

Redes sociais

Twitter

ABRALE

Siga-nos

Facebook

Encontre-nos